CALDEIRA HORIZONTAL COM 2 PASSES DE CHAMA E FORNALHA DUPLA

VANTAGENS

  • As caldeiras EIT  H2FD são projetadas para operar com vários tipos de  combustíveis graças ao seu sistema exclusivo de grelhas  plana.Este tipo de grelhado  torna a operação de limpeza fácil, rápida e segura devido ao acesso ao nível da grelha por portas frontais.A alimentação de combustíveis  particulados como  cavaco de madeira, briquete, bagaço de cana e outros, que contém grande quantidade de partículas finas, é feita pela parte inferior da fornalha, próxima ao grelhado,  tendo como resultado a queima completa das partículas mais finas evitando-se o arraste destes combustíveis  para atmosfera.O projeto da fornalha  pode ser dotado de grelhas duplas, sendo uma aquatubular fixa,  sob a qual é instalado o sistema móvel ou basculante em ferro fundido. Este sistema permite a utilização de lenha em toras que são suportadas pelo grelhado aquatubular sem atingir os elementos móveis abaixo.Tal sistema permite a realização da combustão da lenha sobre a grelha aquatubular e a requeima das partículas menores sob o grelhado móvel de ferro fundido, com aproveitamento total do combustível,Sendo esta mais uma característica exclusiva das caldeiras EIT.
caldeira6

                 

CAPACIDADE TÉCNICA

Capacidade de produção de vapor:  1.500 a 6.000 Kg de vapor/hora

Pressão de trabalho até: 21 Kgf/cm²

COMBUSTÍVEL: Briquetes; Lenha em toras; Pellets; Bagaço de cana; Cavaco de madeira; Cascas de Cereais e Castanhas.

                 

CARACTERISTICAS DE FUNCIONAMENTO

CARACTERISTICAS DO FUNCIONAMENTO

MODELO PROD. DE VAPOR (Kg/hora ) CAPACIDADE TERMICAKcal/hora , com água a 20ºC  e Pressão 10 Kgf/cm² Consumo máximo de lenha secaPCI: 3.000 Kcal/KgCom Pré-Ar( Kg/hora ) Consumo máximo de lenha verdePCI: 1.800 Kcal/KgCom Pré-Ar( Kg/hora ) Consumo máximo de briquete de madeiraPCI: 4.800 Kcal/KgCom Pré-Ar( Kg/hora ) Consumo máximo de bagaço de canaPCI: 1.800 Kcal/KgCom Pré-Ar( Kg/hora ) Consumo máximo de cavaco de madeiraPCI: 2.600 Kcal/KgCom Pré-Ar( Kg/hora )
EIT-1.500H2FD 1.500 965.850 378 631 236 631 437
EIT-2.000H2FD 2.000 1.287.800 505 841 315 841 582
EIT-2.500H2FD 2.500 1.609.750 631 1.052 394 1.052 728
EIT-3.000H2FD 3.000 1.931.700 757 1.262 473 1.262 874
EIT-3.500H2FD 3.500 2.253.650 884 1.473 552 1.473 1.019
EIT-4.000H2FD 4.000 2.575.600 1.000 1.683 631 1.683 1.165
EIT-5.000H2FD 5.000 3.219.500 1.262 2.104 789 2.104 1.456
EIT-6.000H2FD 6.000 3.863.400 1.515 2.525 947 2.525 1.748
EIT-6.500H2FD 6.500 4.185.350 1.641 2.735 1.025 2.735 1.893
EIT-7.000H2FD 7.000 4.507.300 1.767 2.946 1.104 2.946 2.039
EIT-8.000H2FD 8.000 5.151.200 2.020 3.367 1.262 3.367 2.331
EIT-10.000H2FD 10.000 6.439.000 2.525 4.208 1.578 4.208 2.913
EIT-12.000H2FD 12.000 7.726.800 3.030 5.050 1.893 5.050 3.496
EIT-15.000H2FD 15.000 9.658.500 3.787 6.312 2.367 6.312 4.370
EIT-17.000H2FD 17.000 10.946.300 4.292 7.154 2.683 7.154 4.953
EIT-20.000H2FD 20.000 12.878.000 5.050 8.416 3.156 8.416 5.827

Densidades dos combustíveis

Lenha seca: 600Kg/m³

bagaço de cana: 250 kg/m³

Briquete: 1.000 Kg/m³

Cavaco de madeira 30% umidade: 330 kg/m³

Observação: Considerar consumo médio diário 60% do consumo máximo

1212

EQUIPAMENTOS COMPLEMENTARES OPCIONAIS

  • PRÉ AQUECEDOR DE AREquipamento destinado a recuperação do calor contido nos gases resultantes  da combustão e reaproveitamento deste calor para favorecer a combustão através da insuflação de ar aquecido sob a grelha. A utilização deste equipamento contribui para redução de consumo de combustível de 5 a 7%, muitas vezes tendo seu custo amortizado em curto espaço de tempo. FILTRO MULTICICLONEEquipamento destinado a reter cinzas e  particulados que podem ser arrastados pela tiragem da caldeira  em maior ou menor quantidade dependendo das características do combustível utilizado. Sua construção é robusta e constituído por  ciclones internos, dispostos em escada,  que promovem a separação das partículas dos gases de combustão.ALIMENTADOR AUTOMÁTICO DE COMBUSTÍVELEquipamento destinado a abastecer continua e regularmente a caldeira em função da pressão de Trabalho ajustada.É composto por um silo metálico  no qual é alojada uma rosca para promover a distribuição do combustível  igualmente para os dois lados da fornalha. A condução do combustível até os bocais de entrada nas laterais fornalha é feita por dois dutos metálicos dotados de dampers de acionamento automático, que impedem o retorno dos gases super aquecidos do interior da fornalha.Este sistema de alimentação de combustíveis, triturados, é exclusivo das caldeiras EIT e foi desenvolvido para possibilitar a queima das fibras mais finas contidas nos combustíveis evitando que as mesmas sejam arrastadas pelo exaustor antes  de participarem da combustão. Isto ocorre devido a introdução do combustível se dar  na parte inferior da fornalha, bem próxima às grelhas, forçando as partículas leves a subirem entre as chamas participando da combustão em vez de serem arrastadas pelo exaustor.O silo conta ainda com visores de nível para possibilitar ao operador do sistema visualizar a operação de abastecimento.

     

    Combustíveis: lenha em toras; cavaco de madeira; briquete de madeira; bagaço de cana; Casca de arroz

INFORMAÇÕES

-SUPERFÍCIE DE AQUECIMENTO EFETIVA: As caldeiras Verticais EIT não consideram como superfície de aquecimento a parte do feixe de tubos que fica na câmara de vapor, isto é, que não esta em contato com a água.

– NÃO UTILIZAM REFRATÁRIOS: Para vedação entre a fornalha e o corpo da caldeira, evitando a corrosão desta região.

ISOLAMENTO TÉRMICO EFICIENTE:  Garante temperaturas externas  entre  36ºC a 40ºC, eliminando riscos de insalubridade ao operador da caldeira.

– ABERTURAS PARA VISITA: São fundamentais para a conservação da caldeira, por isto as caldeiras EIT-VL possuem 8 aberturas para inspeção e limpeza interna, garantindo maior vida útil e acompanhamento do tratamento da água.

MAIOR COMPRIMENTO DA FORNALHA: Possuem comprimento mínimo de 1,0 metro,  para os modelos menores, possibilitando a utilização de toras de lenha sem a necessidade de corte.

-ALTURA DA FORNALHA: Buscando a melhor combustão e evitando problemas com órgãos Ambientais, e possuem altura mínima de fornalha de 1,0 metros.

– PLATAFORMA SEGURA PARA OPERAÇAO: Dispõem de plataforma para escovação dos tubos e para acesso ao visor de nível visando a segurança e comodidade para a operação e manutenção.